A Importância do Conteúdo Original

Por Vinicius Paes - 26 jan 2009

Copiar conteúdo ou plagiar é uma prática que não traz nenhum benefício e ainda pode trazer punição. Saiba mais e conheça algumas tools para verificar quem anda copiando seu site.

A Ineficaz Prática de Copiar Conteúdo

Copiar Conteúdo: não, não vale a pena...

Internet é conteúdo. Uma frase curta, grossa e que resume tudo. Não adianta ter o site mais bonito, ter o melhor SEO e gastar R$ 10.000 mensais com AdWords se você não tem conteúdo a oferecer. Quem visita um site tem que ficar satisfeito, tem que encontrar o que procura, tem que se convencer de que aquele produto ou serviço são os melhores e que valem a pena. Essa é a questão chave: produzir conteúdo original e de qualidade, só o trabalho sério leva grandes projetos adiante, sendo requisito básico para inicar um projeto de Otimização de Sites.

A prática de copiar conteúdo do ponto de vista técnico é algo que pode ser considerado totalmente ineficaz, isso mesmo, não adianta nada !!! Copiar conteúdo é algo ineficaz por que em primeiro lugar não traz nenhum beneficio para quem copia já que o Google sempre vai considerar original o conteúdo realmente original ( que foi publicado primeiro ) e em segundo lugar porque não traz nenhum maleficio para quem é copiado, que além de continuar sendo considerado original, ainda pode submeter um comunicado formal ao Google informando que foi copiado e provocar a punição do plageador que fica sendo punido pelo Black Hat de Conteúdo Duplicado. Para conteúdo duplicado, em geral, a punição do Google é perda de posições no ranking, mas dependendo da seriedade do Black Hat pode acontecer até algo pior.

Claro, não podemos ser radicais, tudo nas suas proporções. Uma coisa é copiar conteúdo de outro site e usá-lo como se fosse seu, outra coisa é citar outro site ou outra obra, fazendo as devidas referências. Citar ou até mesmo copiar parcialmente o conteúdo de um site citando claramente a fonte e fazendo um link para a matéria original é sim uma prática válida. Abaixo algumas ferramentas para auxiliar na descoberta de conteúdo duplicado:

CopyScape.com

É considerada a ferramenta mais eficiente que temos atualmente na detecção de conteúdo duplicado. É também bastante direta e simples de usar ( do jeito que uma boa ferramenta deve ser !! ). O Copyscape como uma forma de “demo” disponibiliza uma ferramenta básica grátis de detecção de conteúdo duplicado que verifica quem copiou se conteúdo ( pesquisando somente a index dos sites ) e mostrando apenas os 10 primeiros resultados. Para fazer verificações mais completas e exibir todos os resultados, o usuário tem a opção de assinar o serviço pago. Quando o usuário assina o serviço pago, ele tem direito a verificar conteúdo duplicado um determinado número de vezes ( dependendo de quantos créditos adquirir ). Quando todos os créditos se esgotam, para continuar usando ele deve comprar mais.

Tela da Ferramenta Copyscape

DocCop.com

Assim como o CopyScape, o serviço do DocCop possui 2 versões:

  • Paragraph Check ( gratuito ): permite que o usuário cheque duas vezes ao dia, pequenos textos de até 50 palavras.
  • Document Check ( pago ): mais avançado e completo permite que o usuário verifique quantas vezes quiser por dia, artigos completos de até 2000 palavras.

Para acessar o Paragraph Check, vá até a sessão Web Check -> Paragraph Check. Para poder realizar a checagem é necessário entrar com o seu Guest ID ( que pode ser registrado ali mesmo ), o seu e-mail e o texto. Apesar de ser meio burocrática, essa ferramenta funciona muito bem.

Tela da Ferramenta DocCop

Sobre o Autor:
Autor
Mestre em Ciência e Tecnologia da Computação pela Universidade Federal de Itajubá, e fascinado pelo desenvolvimento em diversas tecnologias web. É possível encontrá-lo pelo Twitter, Facebook e Google+.

7 Comentários

  1. Olá, copiar texto dos outros pode ser considerado crime e deve ser punido exemplarmente por isso. Deveria existir meios e forma mais claras de descobrir o plagiador, mas essas ferramentas que você indicou já são de ótima ajuda. Devemos sempre fazer nossas postagens de conteúdo que seja nosso, se não o for, devemos deixar bem claro de quem é o autor e de onde foi extraído. Também ao copiar trecho ou parte de um texto de uma outra pessoas, devemos deixar entre aspas e indicar de quem é o seu autor. Com alguns cuidados podemos deixar a internet um meio muito útil e confiável para todos.

    Abraços

    Francisco Castro

  2. BruNouL disse:

    seria bom algumas dicas para denunciar um site que plagiou um conteudo.

  3. Mario Andrade disse:

    Vender e comprar artigos é um mercado que dá algum lucro. Um utilizador pode comprar conteúdo e pensar que é original, e até pode ser, e eventualmente deixar de ser sem ele sequer saber.

    Será que devia ser punido? Não vamos colocar os escritores no desemprego mas esta é uma situação complicada.

  4. Bruno Brizzi disse:

    Francisco Castro!
    Concordo plenamente com você em todos os aspectos. A cópia desleal deve ser repudiada, caso seja feita qualquer referência, a fonte deve ser citada para garantir a seriedade dos meios de comunicação. Desta maneira caminhamos para a seriedade dos meios de comunicação que é o que os mecanismos de buscam almejam para a internet e SEO.
    Abraços

  5. Bruno Brizzi disse:

    BruNouL!
    Você pode fazer esta denuncia pelo Google WebMaster Tools, tem a opção de denunciar o plágio. A denúncia de spammers que utilizam de cópia de conteúdo deve ser incentivada para uma seriedade da internet e melhoria em campos de SEO.
    Abraços

  6. Bruno Brizzi disse:

    Mario Andrade!
    Com certeza o mercado de geração de conteúdo é um meio muito lucrativo. O desenvolvimento de artigos originais não deve ser punido de qualquer forma, é um conteúdo confiável e único. Porém caso haja cópia ou má fé, estes sim devem ser denunciados e punidos. Os mecanismos de busca com seu algoritmo de indexação usam de verificação de time stamp o conteúdo encontrado, para garantir quem é o autor principal. Desta forma, deve haver um cudiado na notificação de geração de conteúdo o quanto antes, sendo esta uma prática de SEO e Otimização de Sites.
    Abraços

  7. Pedro disse:

    Olá
    Estou começando um blog sobre celulares, como sou nova nesse negócio gostaria de saber se é considerado plágio eu visitar alguns blogs da mesma categoria e utilizar informações destes sites para criar os meus artigos, não copiando mas usando as informações técnicas dos artigos com as minhas palavras. O que seria considerado um plágio? Copiar o texto todo, ou também utilizar partes dos textos mas alterando para minhas próprias palavras???

Deixe o seu comentário!